Biblioteca

Influência da mastite na qualidade do leite in natura: Revisão de literatura

12/12/2018 Ana Rosa Oliveira Rodrigues

A mastite é a doença infecciosa mais comum de bovinos leiteiros. Geralmente, é caracterizada de acordo com a origem do microrganismo. A mastite contagiosa é causada por bactérias que residem na glândula mamária das vacas, enquanto a mastite ambiental está associada a microrganismos presentes no meio ambiente. A ocorrência de um caso de mastite clínica causa prejuízos diretos para o produtor, visto que há necessidade de tratamento e descarte de leite com resíduos de antibióticos. A qualidade do leite in natura é influenciada por muitos fatores, como fatores zootécnicos associados ao manejo, alimentação, potencial genético de rebanhos, e fatores relacionados à obtenção e armazenamento do leite. Uma das causas que exerce influência extremamente prejudicial sobre a composição e características físico-químicas do leite é a mastite acompanhada por aumento na Contagem de Células Somáticas CCS. A composição do leite, a atividade enzimática, o tempo de coagulação, a produtividade e a qualidade do leite e derivados lácteos são influenciados negativamente. É fundamental abordar este assunto neste trabalho já que a mastite é a doença infecciosa mais comum no gado leiteiro, que mais causa prejuízos em virtude da diminuição da produção, descarte do leite e até descarte da fêmea, bem como os medicamentos usados para o tratamento que deixam resíduos com graves conseqüências para indústria e problemas de saúde pública.

Fazer Download

Depoimentos

Muito bom. Prof Male sempre surpreendendo!

Sobre o curso de Cinomose: existe luz no fim do túnel?

Muito bom e informativo. Professor excelente!

Sobre o curso de Emergências em Traumatologia e Toxicologia em Cães e Gatos

Newsletter