Biblioteca

Dermatofitoses: causas e tratamento

10/06/2013 Jones Bahri

A dermatofitose é uma das principais enfermidades tegumentares de pequenos animais, em especial cães e gatos, uma vez que seus agentes etiológicos são responsáveis por importante zoonose por vezes de difícil tratamento. A presença de fungos patogênicos na pele, associado às lesões alopécicas, de bordas delimitadas, e com prurido de discretas intensidades caracteriza a dermatofitose. As manifestações clínicas são denominadas tineas ou tinhas, epidermofitíases, onicomicoses dermatofíticas e dermatofitoses subcutâneas e profundas, apresentando gravidade que pode variar de moderada a grave,dependendo mais da resposta do hospedeiro que da virulência da espécie ou linhagem do dermatófito em si. O diagnóstico clínico das dermatofitoses, assim como de outras infecções fúngicas, passa por três fases distintas: a pré-analítica, na qual é imprescindível que a coleta, conservação e transporte sejam realizados deforma adequada para que não haja influência no resultado do final do exame; a analítica, na qual o exame é realizado pela microscopia direta, análise da cultura, micro cultivo em lâmina e, se necessário, prova da uréase, teste de perfuração do pêlo in vitro, provas nutricionais, identificação por métodos moleculares e por fim, a etapa pós-analítica, na qual se estoca o patógeno em que estão para estudos futuros.

Fazer Download

Depoimentos

Muito bom. Prof Male sempre surpreendendo!

Sobre o curso de Cinomose: existe luz no fim do túnel?

Muito bom e informativo. Professor excelente!

Sobre o curso de Emergências em Traumatologia e Toxicologia em Cães e Gatos

Newsletter